MOSTRAR BARRA LATERAL
Bruges em poucas palavras

Revelando a joia medieval:
Um guia de viagem abrangente para Bruges

Resumo histórico:

Bruges, uma cidade cativante na região flamenga da Bélgica, possui uma rica história que remonta à era medieval. Floresceu como um importante centro de comércio e cultura durante os séculos XII-XV, graças à sua localização estratégica e à próspera indústria têxtil. Esta época de ouro deixou um legado de impressionante arquitetura gótica, canais encantadores e um centro histórico bem preservado, dando a Bruges o status de Patrimônio Mundial da UNESCO. Hoje, Bruges exala um ambiente de conto de fadas, atraindo visitantes com suas ruas de paralelepípedos, canais pitorescos e uma mistura única de charme medieval e vibração moderna.

1. Opções de transporte para Bruges:

    • Aéreo: O aeroporto principal mais próximo é o Aeroporto de Bruxelas (BRU). De lá, você pode pegar um trem direto para Bruges, que leva aproximadamente uma hora.

      Imagem do Aeroporto de Bruxelas (BRU)

    • Trem: Bruges tem sua própria estação ferroviária, a Estação Brugge, bem conectada às principais cidades belgas e aos países europeus vizinhos.

Estação Imagem de Bruges
  • Ônibus: Várias empresas de ônibus operam serviços para Bruges a partir de várias cidades belgas e destinos europeus.

2. Acomodação para todos os orçamentos:

  • Hotéis de luxo:
    • Hotel Dukes' Palace Brugge: Um hotel luxuoso situado em um palácio do século XV, que oferece acomodações elegantes e um tranquilo pátio com jardim.
      Imagem de Hotel Dukes' Palace Brugge
    • Hotel Heritage: Um hotel sofisticado num edifício histórico, com uma mistura de design clássico e contemporâneo, perto da Praça do Mercado.
      Imagem do Hotel Heritage, Bruges
  • Hotéis de médio porte:
    • Grand Hotel Casselbergh Brugge: Um hotel charmoso no coração do centro histórico, que oferece acomodações confortáveis ​​e um ambiente aconchegante.
      Imagem de Grand Hotel Casselbergh Brugge
    • Hotel De Castillion: Um hotel de gerência familiar perto do Markt, que oferece quartos confortáveis ​​e uma recepção calorosa.
      Imagem do Hotel De Castillion, Bruges
  • Opções econômicas (hotéis de 2 e 3 estrelas):
    • Hotel 't Putje: Um hotel acolhedor e acessível perto do Markt, que oferece quartos simples e uma localização central.
      Imagem de Hotel 't Putje, Bruges
    • Hotel Fevery: Um hotel econômico próximo à estação ferroviária, que oferece acomodações básicas e fácil acesso ao transporte público.
      Imagem de Hotel Fevery, Bruges

3. Atrações Turísticas Imperdíveis:

  • Markt (Praça do Mercado): O coração de Bruges, rodeado por edifícios históricos, incluindo o Campanário de Bruges e o Tribunal Provincial.
    Imagem de Markt (Praça do Mercado), Bruges
  • Campanário de Bruges: Uma torre sineira medieval que oferece vistas panorâmicas da cidade.
    Imagem do Campanário de Bruges
  • Canais de Bruges: Faça um passeio de barco ou passeie pelos pitorescos canais, ladeados por charmosas casas e pontes.
    Imagem de Canais de Bruges
  • Basílica do Sangue Sagrado: Uma basílica católica romana que abriga uma relíquia do Sangue Sagrado, um local de peregrinação popular.
    Imagem da Basílica do Sangue Sagrado, Bruges
  • Groeningemuseum: Um museu que exibe pinturas primitivas flamengas de artistas como Jan van Eyck e Hans Memling.
    Imagem do Groeningemuseum, Bruges

4. Opções enriquecedoras de viagens de um dia:

  • Ghent: Explore a vibrante cidade de Ghent, conhecida por sua arquitetura medieval, canais e animada cena cultural.
    Imagem de Ghent, Bélgica
  • Bruxelas: Visite a capital da Bélgica, sede da Grand Place, do Atomium e do Manneken Pis.
    Imagem de Bruxelas, Bélgica
  • Antuérpia: Descubra a capital da moda da Bélgica, conhecida pelo seu bairro de diamantes, Rubens House e bairros modernos.
    Imagem de Antuérpia, Bélgica
  • Damme: Faça um passeio de bicicleta até a charmosa vila de Damme, conhecida por seus moinhos de vento, canais e ambiente tranquilo.
    Imagem de Damme, Bélgica

5. Épocas ideais para visitar Bruges:

  • Primavera (abril-maio) e outono (setembro-outubro): clima agradável, menos multidões e folhagem colorida no outono, perfeita para explorar a cidade a pé.
  • Verão (junho a agosto): clima quente e ensolarado, eventos ao ar livre animados e horário de verão prolongado. No entanto, esteja preparado para multidões maiores e preços mais altos.
  • Inverno (novembro-março): clima mais fresco, espírito festivo durante as festas de fim de ano e oportunidades para conhecer os mercados de Natal e cafés aconchegantes.

6. Feriados na Bélgica:

    • Dia de Ano Novo (1º de janeiro)
    • Segunda-feira de Páscoa (varia)
    • Dia do Trabalho (1º de maio)
    • Dia da Ascensão (varia)
    • Segunda-feira de Pentecostes (varia)
    • Dia Nacional Belga (21 de julho)
    • Dia da Assunção (15 de agosto)
    • Dia de Todos os Santos (1º de novembro)
    • Dia do Armistício (11 de novembro)
  • Dia de Natal (25 de dezembro )

7. Dicas úteis de viagem:

  • Compre um Brugge City Card: Este passe turístico oferece entrada gratuita ou com desconto em muitas atrações, incluindo o Campanário de Bruges, a Basílica do Sangue Sagrado e o Groeningemuseum, bem como descontos em passeios de barco e aluguel de bicicletas.
  • Aprenda algumas frases em holandês: Frases básicas em holandês como "Goeiedag" (bom dia), "dank u" (obrigado) e "tot ziens" (adeus) serão apreciadas pelos habitantes locais.
  • Saboreie a culinária belga: Delicie-se com os diversos sabores da culinária belga, desde waffles, batatas fritas e chocolate até mexilhões, cerveja e ensopados tradicionais flamengos.
  • Explorar de bicicleta ou barco: Bruges é uma cidade amiga da bicicleta, com extensas ciclovias e aluguel disponível. Alternativamente, faça um passeio de barco para explorar os canais e admirar a cidade de uma perspectiva diferente.
  • Visite o Museu Choco-Story: Descubra a história e a produção do chocolate belga neste museu interativo.