MOSTRAR BARRA LATERAL
Delicie-se com vinhos de classe mundial e delícias culinárias na Borgonha

Borgonha, França:
Seu guia para vinhos de classe mundial, cidades medievais e delícias culinárias

Uma breve história e visão turística da Borgonha

A Borgonha, uma região no centro-leste da França, é conhecida por seus vinhos de classe mundial, cidades históricas, arquitetura medieval e paisagens pitorescas. Outrora um poderoso ducado, o rico passado da Borgonha é evidente em seus grandes castelos, abadias e vinhedos. Hoje, é um paraíso para os amantes do vinho, fãs de história e aqueles que procuram provar a autêntica cultura francesa.

Imagem de Vinhedos na Borgonha, França

Razões para escolher a Borgonha para suas próximas férias

  • Vinhos de classe mundial: A Borgonha abriga alguns dos vinhedos mais prestigiados do mundo, produzindo renomados vinhos Pinot Noir e Chardonnay. Faça um tour de vinhos, visite adegas e saboreie as safras excepcionais da região.
  • Cidades medievais: Explore as encantadoras cidades de Dijon, Beaune e Auxerre, com suas ruas de paralelepípedos, casas em enxaimel e monumentos históricos.
    Imagem de Beaune, Borgonha
  • Delícias gastronômicas: Delicie-se com as tradições culinárias da Borgonha, desde escargots (caracóis) e boeuf bourguignon (guisado de carne) até coq au vin e queijos regionais como Époisses.
  • Ciclismo e Caminhadas: Descubra a paisagem campestre de bicicleta ou a pé, seguindo as diversas trilhas que serpenteiam por vinhedos, florestas e ao longo de canais.
  • Patrimônio Cultural: Visite abadias históricas como a Abadia de Fontenay, Patrimônio Mundial da UNESCO, e explore o Hospices de Beaune, um antigo hospital com um impressionante Hôtel-Dieu.
    Imagem de Hospícios de Beaune

1. Opções de transporte

  • Aeroportos: Os aeroportos mais próximos da Borgonha são o Aeroporto Lyon-Saint Exupéry (LYS) e o Aeroporto Paris Charles de Gaulle (CDG).
  • Trens: A Borgonha tem boas conexões de trem, com trens TGV de alta velocidade ligando grandes cidades como Dijon e Beaune a Paris e outros destinos na França.
  • Ônibus: Uma forma confiável e acessível de viajar entre cidades e vilarejos não servidos por trens.
  • Aluguer de Carros: A melhor opção para explorar a região ao seu ritmo, especialmente as pequenas aldeias e vinhas.

2. Principais Cidades, Regiões e Alojamentos

  • Dijon: A capital da Borgonha, uma cidade vibrante com um centro histórico, o Palácio dos Duques da Borgonha e um renomado museu da mostarda.
    • Luxo: Grand Hôtel La Cloche Dijon MGallery, Hôtel Vertigo
    • Categoria média: Hotel des Ducs, Holiday Inn Dijon Toison D'Or
    • Orçamento: Hôtel Philippe le Bon, Vertigo Hôtel
  • Beaune: Uma cidade encantadora conhecida pelos seus Hospices de Beaune, um antigo hospital com um deslumbrante Hôtel-Dieu, e pelas suas adegas.
    • Luxo: Hôtel Le Cep & Spa Marie de Bourgogne, Hostellerie Cèdre & Spa Beaune
    • Médio: Hôtel de la Poste, Hôtel Le Home
    • Orçamento: Hôtel Le Cep, Hôtel de France
  • Chablis: Uma pitoresca região vinícola famosa pelos seus vinhos Chardonnay.
    • Luxo: Château de Vault de Lugny, Hostellerie des Clos
    • Médio: Hôtel Le Clos, Au Relais Fleuri
    • Orçamento: Hostellerie du Vieux Moulin, La Maison de Chablis

3. Principais atrações turísticas

  • Hospices de Beaune: Um antigo hospital com um impressionante Hôtel-Dieu, uma obra-prima da arquitetura gótica.
  • Palácio dos Duques da Borgonha (Dijon): Um complexo palaciano histórico com um museu que mostra o rico passado da região.
  • Basílica Notre-Dame de Beaune: Basílica românica com um belo tímpano e vitrais.
    Imagem da Basílica NotreDame de Beaune
  • Clos de Vougeot: Um vinhedo histórico e antiga abadia cisterciense, hoje um museu do vinho.
    Imagem de Clos de Vougeot
  • Abadia de Vézelay: Patrimônio Mundial da UNESCO, uma abadia beneditina com impressionante arquitetura românica.
    Imagem da Abadia de Vézelay
  • Parque Natural Regional de Morvan: Uma vasta área protegida com florestas, lagos e vilas encantadoras.

4. Exemplos de itinerários

  • 3 dias: Dijon (2 dias) + Viagem de um dia a Beaune (1 dia)
  • 5 Dias: Dijon (2 dias) + Beaune (1 dia) + Rota dos Vinhos (Côte de Nuits e Côte de Beaune) (2 dias)
  • 7 Dias: Dijon (2 dias) + Beaune (1 dia) + Rota dos Vinhos (2 dias) + Auxerre e Chablis (2 dias)
  • 10 Dias: Dijon (2 dias) + Beaune (1 dia) + Rota dos Vinhos (2 dias) + Auxerre e Chablis (2 dias) + Vézelay (1 dia) + Parque Natural Regional de Morvan (2 dias)

5. Melhores horários para visitar

  • Primavera (abril-junho) e outono (setembro-outubro): temperaturas agradáveis, flores desabrochando na primavera e folhagens coloridas no outono.
  • Verão (julho-agosto): Clima quente, ideal para atividades ao ar livre e festivais de vinho, mas também a época mais movimentada.

6. Feriados na Borgonha

    • Dia de Ano Novo (1º de janeiro)
    • Segunda-feira de Páscoa (março/abril)
    • Dia do Trabalho (1º de maio)
    • Dia da Vitória na Europa (8 de maio)
    • Dia da Ascensão (maio/junho)
    • Segunda-feira de Pentecostes (maio/junho)
    • Dia da Bastilha (14 de julho)
    • Dia da Assunção (15 de agosto)
    • Dia de Todos os Santos (1º de novembro)
    • Dia do Armistício (11 de novembro)
  • Dia de Natal (25 de dezembro )

7. Dicas úteis

  • Aprenda algumas frases em francês: Embora o inglês seja falado em áreas turísticas, será apreciado saber um pouco de francês básico.
  • Reserve degustações de vinhos com antecedência: Muitas vinícolas exigem reservas, especialmente durante a alta temporada.
  • Experimente a culinária local: delicie-se com escargots, boeuf bourguignon, coq au vin e queijos regionais.
  • Alugue uma bicicleta: Andar de bicicleta é uma ótima maneira de explorar os vinhedos e o campo.
  • Visite os mercados de Natal: Se você estiver visitando no inverno, não perca os charmosos mercados de Natal em cidades como Dijon e Beaune.

Espero que este guia ajude você a planejar uma viagem maravilhosa à Borgonha!